acrescimento

ou a sabedoria do caracol

Azeite e companhia

Uma das premissas do “acrescimento” é parar e olhar para trás. Não forçosamente para retroceder, mas para avaliar o que de bom se fazia e que vale a pena manter (ou recuperar).

E a dieta mediterrânica é uma dessas heranças boas. Foi classificada oficialmente  como “Património da Humanidade” em novembro de 2010 pela Unesco, e a candidatura de Portugal neste âmbito foi reconhecida no passado dia 4, em Baku.

Uma das regras base deste estilo de vida (sim, porque é mais que um simples regime alimentar saudável” *) é a utilização de alimentos frescos e, por tal, provenientes de uma produção adequada ao tempo próprio dos alimentos.

Em dezembro, segundo o site da Fundação Dieta Mediterrânea, temos, como exemplo nos vegetais, a acelga, o alho, a alcachofra, o aipo, a berinjela, os brócolos, a abobrinha (courgete), a abóbora, a cebola, o repolho, a couve-flor, a endívia, a escarola, o espinafre, a ervilha, a alface, o nabo, o alho-porro (alho-francês), o rabanete, a beterraba, a couve…

E são praticamente infinitas as suas combinações, conjuntamente com a fruta da época e o peixe (fonte preferencial de proteína animal na Dieta Mediterrânica). Nem só de doces vive a época natalícia 🙂

Bom apetite!

*  “A dieta Mediterrânea traduz um estilo de vida, e não apenas um padrão alimentar, que combina ingredientes da agricultura local, receitas e formas de cozinhar próprias de cada lugar, refeições partilhadas, celebrações e tradições(…)”. Mais sobre Alimentos temporais no site da Fundação.

piramide

Anúncios

No comments yet»

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: